Mais de 300 pessoas bloqueiam Ferrovia Norte-Sul em protesto

09.10.2017

 Um protesto está bloqueando a Ferrovia Norte-Sul na cidade de Palmeirante do Tocantins, a 329 km de Palmas, desde as 5h30 desta segunda-feira (9). O movimento foi organizado pela Articulação Camponesa e pretende chamar a atenção das autoridades para a regulamentação de diversas áreas de terra de comunidades da região norte do Tocantins.

 

Cerca de 350 pessoas estão participando da movimentação desde o início da manhã, segundo os organizadores. Eles pretendem ficar no local até receberem um posicionamento das autoridades quanto as reivindicações do grupo.

 

A empresa VLI, responsável pela Ferrovia Norte Sul, informou que os manifestantes ocuparam a linha férrea e colocaram obstáculos sobre a via, impedindo a circulação de trens."A invasão não tem qualquer relação com a Ferrovia Norte Sul, pois os manifestantes estão exigindo ações de órgãos estaduais e federais para investimentos nas comunidades campestres."

 

Segundo a empresa, "a situação é inaceitável e prejudica a atividade da empresa e dos usuários do transporte de cargas no corredor centro-norte, que engloba os estados do Tocantins e Maranhão."

 

A VLI disse ainda que buscará as providências judiciais para obter a reintegração de posse da ferrovia no menor espaço de tempo.

 

Fonte: G1

 

 

A VLI tem em sua composição acionária as seguintes empresas: Vale, Mitsui, FI-FGTS, e Brookfield. 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload


Copyright © DilzzanNews -  Todos os direitos reservados.

E-mail: dilzzannews@gmail.com